Jardim da Casa das Artes

Um jardim quase centenário de mãos dadas com a Arte

29/30 junho

10:00 — 18:00

Rua Ruben a 210

* Visita livre

* Acessível

Não é permitida a entrada de animais.
As visitas aos jardins não requerem inscrição.
Este é um evento inteiramente gratuito.

A Casa Allen foi mandada construir nos últimos anos da década de 1920, pelo 3.º Visconde de Villar d’Allen, Joaquim Ayres de Gouveia Allen, para sua residência. O projeto do arquiteto José Marques da Silva, iniciado em 1927, sofreu várias reformulações a pedido da família Allen no seu interior e na fachada da casa.

De acordo com o paradigma da casa burguesa, faz parte integrante da Casa Allen o desenho dos espaços exteriores com jardins que aproveitam três frentes da casa: na frente nascente e sul predomina um esquema racional e na zona posterior, a poente, o espaço sofre uma influência inglesa, mais romântica e naturalista.

Atualmente, acolhe a extensão da Direção Regional da Cultura do Norte, existindo nos jardins da Casa Allen a Casa das Artes, um centro cultural com cinemateca, pavilhão de exposições e auditório projetado pelo arquiteto Eduardo Souto de Moura e inaugurado em 1991. Este conjunto – Casa Allen, jardins e Casa das Artes – foram classificados como monumento de interesse público em 2012.

Neste belo jardim poderá encontrar tulipeiros-da-Virgínia, um deles de dimensão verdadeiramente extraordinária, liquidâmbares (Liquidambar styraciflua), faias-de-folhas-vermelhas (Fagus sylvatica ‘Purpurea’), camélias (Camellia sp.), carvalhos (Quercus sp.) e rododendros (Rhododendron sp.).