Parque Florestal de Monsanto

A grande floresta plantada de Lisboa

Aberto no(s) dia(s):

21/22 28/29

24h

Centro de Interpretação de Monsanto, Estrada Barcal

Este jardim está aberto em permanência e pode ser visitado fora da programação do festival.

Da vegetação arbórea que domina o parque, realçamos os ciprestes-do-buçaco (Cupressus lusitanica) e algumas espécies de Quercus: carvalho-português (Quercus faginea), sobreiro (Quercus suber) e a azinheira (Quercus rotundifolia).

É quase impensável imaginar que, há cerca de 100 anos, quase toda a serra de Monsanto era um local despido de árvores. Iniciada a sua reflorestação nos anos 30 do séc. XX, o Parque Florestal de Monsanto ocupa agora cerca de 900 hectares de terreno.
A variedade de ambientes e espécies é grande, com vários percursos pedestres por onde se podem fazer excelentes caminhadas no meio das árvores ou descansar nos relvados do Anfiteatro Keil do Amaral.


Atividades relacionadas

21 28

15:00

Percursos Guiados

Trilhas, Vulcões e Pedreiras

Lisboa é uma cidade a descobrir, para além das artérias, das praças e dos jardins que lhe dão vida. Lisboa é uma cidade que se quer verde! Um percurso pedestre guiado pelo Parque de Monsanto, em busca do que se esconde, do que se ouve sem se ver, dos rastos e vestígios deixados pelos seres vivos e, simultaneamente, pela riqueza da sua própria história, criação e desenvolvimento.

Ponto de Encontro: Centro de Interpretação de Monsanto
Público-alvo: População em geral, famílias. Pessoas com boa mobilidade.
Duração: 2h a 2h30

Esta atividade tem a lotação de 20 pessoas e requer inscrição.

Dia 21 — Inscrição
Dia 28 — Inscrição

22

14:30

Oficinas

Banhos de Floresta

É quase impensável imaginar que, há cerca de 100 anos, quase toda a Serra de Monsanto era um local despido de árvores e que, atualmente o Parque Florestal de Monsanto se afirma como um local propício à prática de Banhos de Floresta. Um convite a desacelerar do ruído e da poluição da cidade, a estarmos presentes e a conectarmo-nos com a natureza através dos sentidos: os cheiros, os sons, as sensações, os aromas, a luz e ainda, pela intuição, memórias e espiritualidade.

Orientado por: Sofia Velez
Ponto de Encontro: Centro de Interpretação de Monsanto
Público-alvo: População em geral, a partir dos 5 anos.
Duração: 2h30

Esta atividade tem a lotação de 12 pessoas e requer inscrição.

Dia 22, 14:30 – Inscrição

29

10:00

Oficinas

Banhos de Floresta

É quase impensável imaginar que, há cerca de 100 anos, quase toda a Serra de Monsanto era um local despido de árvores e que, atualmente o Parque Florestal de Monsanto se afirma como um local propício à prática de Banhos de Floresta. Um convite a desacelerar do ruído e da poluição da cidade, a estarmos presentes e a conectarmo-nos com a natureza através dos sentidos: os cheiros, os sons, as sensações, os aromas, a luz e ainda, pela intuição, memórias e espiritualidade.

Orientado por: Sofia Velez
Ponto de Encontro: Centro de Interpretação de Monsanto
Público-alvo: População em geral, a partir dos 5 anos.
Duração: 2h30

Esta atividade tem a lotação de 12 pessoas e requer inscrição.

Dia 29, 10:00 – Inscrição

Outros jardins próximos